Carregando
notícia › Nintendo 
09/01/2017 às 18:31
postado por Ivan Nikolai Barkow Castilho (Soul Zonik)
Rumor: Hideki Kamiya, com o cancelamento de Scalebound, está com problemas de saúde

Fontes dos sites Kotaku e Eurogamer estão noticiando que o título exclusivo de Xbox, Scalebound, foi cancelado. Segundo os sites, o jogo já não está mais em desenvolvimento desde o fim de 2016, após vários problemas internos. A Microsoft deve anunciar oficialmente o cancelamento entre hoje e amanhã. Atualizado: o cancelamento já foi noticiado pela Microsoft como oficial.

De qualquer forma, o motivo de você ver esta notícia em um site Nintendo é devido ao destino da Platinum Games. Scalebound era um projeto que grande parte da desenvolvedora estava dedicada e isso sem dúvida causará um estrago (principalmente financeiro). Há inclusive relatos de que o diretor Hideki Kamiya teve que pedir afastamento por problemas de saúde mental.

Resta torcer para que não seja nada grave e que tanto Kamiya quanto a Platinum Games se recuperem.

Fonte: Gematsu


comentários
Aristarkh
11/01/2017 às 11:05
Twitter de japonês é tatemae puro

\/
bom(0)ruim(0)
blimbou
11/01/2017 às 08:34
Tá na hora da galera do site dar uma conferida no Twitter do Kamiya, ele além de pedir desculpas , afirma que não está com nenhum problema mental.
bom(0)ruim(0)
Patolouco
11/01/2017 às 01:42
É, pelo que tenho lido a IP era da Platinum e a Microsoft bancou o projeto do jogo, a desistência da Platinum e o desacordo contratual com certeza deve passar os direitos do jogo para Microsoft, empresa que bancou o projeto. Se for isso mesmo, a Microsoft que será responsável pelo futuro da IP e não a Platinum.
bom(0)ruim(10)
Akise Aru
10/01/2017 às 21:41
Podem parar de se iludir, a IP é da Microsoft então sem chances de sair em console Nintendo.
bom(0)ruim(0)
Jyo Masters
10/01/2017 às 17:46
Cara na boa era um bom jogo exclusivo.
Eu duvido que foi cancelado por alguma doença do kamiya eu duvido.
Kamiya disse que esse era o jogo da vida dele.
Dinheiro alguma treta entre os japas e americanos rolou seriamente.
Se fosse pra uma empresa japonesa duvido que esse jogo ia ser cancelado. Na minha opinião isso ai envolveu até orgulho e respeito.

bom(5)ruim(0)
Dr.K
10/01/2017 às 13:29
A MS é conhecida por tratar as parcerias thirds de maneira draconiana (vide como ela tratou a Darkside Games em relação à Phantom Dust - mais aqui: "http://www.neogaf.com/forum/showthread.php?t=1332312").

Admito que esse jogo não seria um campeão de vendas, mas tornaria a biblioteca um tanto mais interessante. Ainda mais se levarmos em conta que a concorrência vai ter um ano excelente de lançamentos (line-up do Switch e os exclusivos do PS4).

Se olharmos o que o Xbox One tem anunciado até agora, e que é exclusivo de console; é uma linha de jogos risível:

Rise & Shine - bullet hell shooter and puzzle platformer;
Halo Wars 2 - real-time strategy;
Tacoma - First Person (puzzler? Survival?);
Cuphead - run-and-gun platformer;
Crackdown 3 - open-world action-adventure;
Phantom Dust - action strategy (card game?)
State of Decay - (open-world action-adventure/Zombies); e
Sea of Thieves - (MMO-ish loot game).

Ou seja: nada que empolgue ou venda. Só Horizon: Zero Dawn e Zelda: BotW dão trinta voltas nessa line-up divulgada (espera-se mais revelações esse ano). Isso que conseguiram vender satisfatoriamente um jogo medíocre como é ReCore.

Mas todos esses acima dão possibilidades de monetização.

A minha sensação é que a Platinum falhou no componente do Multiplayer do jogo e que a MS quer que todo jogo seja um item a ser usado com a LIVE. Que seja um Minecraft e que tenha, preferencialmente, microtransações. Ou seja, games como serviços primariamente e que tenham alto retorno em dinheiro e possibilidade de monetização.

Quanto ao Kamiya e a equipe estando em estado de estresse absoluto; acredito. Contrato ruim, varios jogos em andamento - isso que a metade do Staff da Platinum estava fazendo Scalebound, cerca de 100 funcionários - e ele tendo que dar férias compulsórias para fazer o pessoal parar de ficar doente. Tudo isso ajuda a criar uma situação terrível. Japonês, se precisar, mora dentro de um escritório para fazer o trabalho que for necessário.

Agora... a única solução aceitável pra MS seria adiar. Mesmo que fosse uma solução ruim. Olhem a recepção de The Last Guardian! Com todos os problemas que esse game enfrentou.
bom(4)ruim(1)
Aristarkh
10/01/2017 às 12:57
"E pro pessoal falando pra Nintendo salvar o jogo, a IP é da Microsoft, e ela dificilmente abrirá mão da marca para um concorrente direto."


A gente não sabe como foi o contrato, então ainda há chances de alguém bancar o resto do jogo com outro nome, personagens, etc.
bom(1)ruim(3)
TDark
10/01/2017 às 12:01
Quando uma empresa diz que está financiando o jogo quer dizer que deu um investimento inicial, que costuma ser em torno de 10% do valor do projeto e passa a pagar o resto conforme vai chegando perto do lançamento.
Segundo relatos na maioria das vezes a Microsoft só paga os 90% restante quando a build final é apresentada, tanto que muitos projetos de exclusivos da Microsoft desaparecem por causa disso. Claro que não é assim para todos os projetos mas muitos estudios já falaram sobre o quanto isso é desgastante para se trabalhar com ela.
A EA e a Activision também costumam trabalhar assim inclusive.

Então se a Microsoft diz que está financiando um projeto, não quer dizer que todo mês ela tá pagando pelo jogo não.
bom(1)ruim(0)
Think
10/01/2017 às 08:42
Noticia extremamente triste! Um dos principais jogos do ano sendo cancelado... Estava muito ansioso pelo jogo desde seu anuncio...
Não acho certo julgar por não saber de fato o que ocorreu internamente para chegar a esse ponto, mas muito dificil não se decepcionar um pouco...

Quanto a Nintendo trazer para o Switch, não acho que seja tão simples assim, uma vez que a Microsoft estava financiando o projeto. Acho que não veremos mais este jogo...
bom(3)ruim(0)
Jyo Masters
10/01/2017 às 08:00
A microsoft ta dando muita bola fora.
Fable Legends cancelado e agora Scalebound.

PS4 vai ter o Horizon zero dawn esse ano
A Nintendo vai vir com o Switch e então suas novidades e o novo Zelda esse ano.

A vida dos caixistas em 2017 esta nada facil. Vão viver de shooter e jogo de corrida que triste.

Ate agora ainda não achei o Xbox ONE melhor que o 360 que eu tenho.
Fable Legends era um jogo ao qual eu super aguardava e cancelaram.

Eu vou comprar meu Switch e o outro console que eu poder comprar depois vai ser o PS4
Pelo menos vou ter Horizon e God of War 4.

Horizon e o novo zelda que na minha opinião vão ser os dois grandes jogos do ano.
bom(11)ruim(2)
Jyo Masters
10/01/2017 às 07:33
Pode ter sido stress mental forte.
Ou talves uma desculpa pra cancelar o jogo.
bom(0)ruim(0)
Edu
10/01/2017 às 01:41
@jstoru

"Ah, e podem esquecer os dois jogos de Swtich pelo visto também. Que droga hein ="

Ah claro, como se toda a Platinum dependesse do Kamiya né, gênio. Não fale merda.

O Kamiya não trabalhou em Bayonetta 2 pois já disse inúmeras vezes que não gosta de trabalhar em sequências e sim em novas IPs. Logo um hipotético Bayonetta 3 não muda com esse notícia.

Sobre a notícia, espero que melhore pois é um dos meus desenvolvedores favoritos e Scalebound era o único exclusivo que queria pegar no XONE. Primeiro Fable Legends e agora isso...
bom(2)ruim(2)
blimbou
10/01/2017 às 01:16
@Dns PC não, windows 10
bom(1)ruim(7)
chico_morris
10/01/2017 às 00:56
Geral querendo para a Nintendo salvar esse projeto?!! Pra isso rodar no Switch tinha que ser uma versão bem capada mesmo!!
bom(6)ruim(36)
dns
09/01/2017 às 22:22
Uma errata, esse jogo era exclusivo da Microsoft, pois também estava marcado pra ser lançado pra PC.

De qualquer forma espero que a Platinum e em especial o Kamiya fiquem bem.
bom(6)ruim(0)
Aristarkh
09/01/2017 às 22:02
Que não seja depressão, só quem passou sabe o que é
bom(5)ruim(0)
shalnark
09/01/2017 às 21:34
Uma pena. Eu não estava muito empolgado com o jogo, mas vindo da Platinum sempre dá pra esperar algo de qualidade.

E pro pessoal falando pra Nintendo salvar o jogo, a IP é da Microsoft, e ela dificilmente abrirá mão da marca para um concorrente direto. Com a Sega (Bayonetta) não tinha problema porque ela já é uma third que faz isso mesmo.

Sem falar que o desenvolvimento de Scalebound já estava num patamar muito avançado, com muita grana da MS no meio, diferente de Bayonetta 2 que era mais uma idéia do que qualquer coisa concreta. Não vejo porque a MS iria dar todo seu investimento pra Sony ou Nintendo usar assim de boa. O jogo está morto e enterrado, infelizmente.
bom(8)ruim(0)
Voliver
09/01/2017 às 21:32
tenso, enquanto isso idiotas fazendo piadas disso
bom(0)ruim(0)
Escroticeiloveyou
09/01/2017 às 20:36
Triste. Depressao é um saco. Tira toda a objetividade de vida e torna ela apenas vazia.
Tomare q ele melhore vertiginosamente ao longo do ano.
Espero q a empresa nao receba reais danos dificeis de reparar.
Tbm seria bacana a nintendo aproveitar e salvar a publicaçao do jogo.
bom(0)ruim(4)
Woozer
09/01/2017 às 20:00
Gente, ele pode estar com depressão ou algo do tipo.
bom(0)ruim(6)
denis_timao
09/01/2017 às 19:52
Estou oficialmente de luto, nesse momento estou desempolgado com a indústria, pra mim o "maior cancelamento da história" baita porrada na cara!

Ptz...essa doeu mesmo gente, o jogo era favoritasso ao meu GOTY esse ano...
bom(19)ruim(13)
Nior
09/01/2017 às 19:43
O Kamiya sempre pareceu um cara muito stressado e pavio curto, um cara desses sob pressão extrema (de um projeto muito complexo em atraso) partir disso pra uma depressão não é um salto muito longo, infelizmente.

bom(4)ruim(0)
Liz
09/01/2017 às 19:35
Putz, um dos poucos exclusivos da Microsoft que me interessei até hoje, que pena realmente estava esperando por esse jogo

bom(4)ruim(0)
Lamartine Barbosa
09/01/2017 às 19:32
Nintendo salva ai um dos jogos mais esperados do ano e aproveita o marketing positivo gigante que isso traria pro lançamento do switch
bom(0)ruim(4)
Patolouco
09/01/2017 às 19:25
Espero que não seja um puxão de tapete como a Capcom fez com a Nintendo no caso RE4.
bom(1)ruim(0)
Thistom
09/01/2017 às 19:24
O jogo parecia muito legal!
bom(0)ruim(0)
Mahon
09/01/2017 às 19:18
Mesmo a MS bancando, se perde tempo perde dinheiro.
bom(0)ruim(0)
La Conga
09/01/2017 às 19:17
O melhor exclusivo da história do Xbox nunca lançado melhoras para o Hideki Kamiya, aparentemente ele não estava bem, já atacou até Microsoft pelo Twitter, ficou pistola com uma versão da capa do Bayonetta 2, entre outras. Uma pena, um dos melhores desenvolvedores do mercado, sem sombra de dúvidas.
bom(2)ruim(0)
Patolouco
09/01/2017 às 19:10
"E eu não entendi pq a Platinum perderia dinheiro se era a MS bancando o jogo. No maximo perderam foi tempo, não?"

Sim, acho que aconteceu um desacordo comercial, o próprio Kamyia criticou abertamente a Microsoft em dizer que a mesma não estava dando a importância necessária para o seu jogo.

Algumas fontes dizem que o jogo estava praticamente pronto.

"De qualquer forma, o motivo de você ver esta notícia em um site Nintendo é devido ao destino da Platinum Games."

Inicialmente era para ser um jogo de Wii, foi cancelado e a Microsoft resolveu bancar o projeto que estava engavetado.
bom(3)ruim(0)
jstoru
09/01/2017 às 19:06
Exato Boo. Mas para alguém trabalhando no mercado japonês, sofrer stresse e ou depressão é catastrófico (mais q o já seria "normalmente")
bom(0)ruim(0)
Boo
09/01/2017 às 19:04
Só pra explicar, saúde mental =/= Sanidade
Depressão, ansiedade, stress entre muitos outros são problemas mentais também.
bom(3)ruim(29)
p-junior
09/01/2017 às 19:03
"diretor Hideki Kamiya teve que pedir afastamento por problemas de saúde mental."

Que isso não seja verdade
bom(0)ruim(0)
Aristarkh
09/01/2017 às 19:03
E lá se vai o único exclusivo Microsoft que eu queria :(
Melhoras, Kamiya.
bom(0)ruim(0)
Zell69
09/01/2017 às 19:01
Essa é a deixa da Nintendo, já salvou Bayo, pode salvar Scalebound.
bom(1)ruim(2)
bakura
09/01/2017 às 18:59
Mental? Gente...! Eu quero Bayonetta 3, sr. Pode tratando de ficar bom logo

E eu não entendi pq a Platinum perderia dinheiro se era a MS bancando o jogo. No maximo perderam foi tempo, não?
bom(0)ruim(0)
Patolouco
09/01/2017 às 18:52
O cara ficou louco? Que triste isso hein?
bom(0)ruim(0)
jstoru
09/01/2017 às 18:48
Well, lá se vai o melhor "exclusivo" de Xbox. Mas oq realmente importa é o Kamiya, oq será q aconteceu pra chegar a esse ponto?

Ah, e podem esquecer os dois jogos de Swtich pelo visto também. Que droga hein =

Melhoras pro cara, os jogos dele são ótimos.

bom(0)ruim(1)
denis_timao
09/01/2017 às 18:43
Nnnnnnnnããããããããooooooooo!!!!!!!!! Não me diga que foi cancelado pelo amor de Deus! É o jogo que mais aguardo no ano depois de Zelda!
bom(3)ruim(0)
Arus
09/01/2017 às 18:36
É uma pena. O único exclusivo da Microsoft que eu tinha interessa vai ser cancelado, o único que a muito tempo eu dizia que meu cartão de crédito estava nas mãos pronto para ser comprado
Dependendo do motivo desse cancelamento, a platinum não pode sair no prejuízo. A microsoft que deveria arcar com isso
de qualquer forma, se há problemas de saúde, melhoras ao Hideki Kamiya
bom(0)ruim(0)

Apenas usuários cadastrados podem comentar.

Se deseja realizar seu cadastro, clique aqui.

Login de usuário


Lembrar?

wii u brasil no youtube

nintendosfera

notícias recentes
Domingo, 19 de fevereiro de 2017
Sábado, 18 de fevereiro de 2017
Sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017
Quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017